quinta-feira, 28 de outubro de 2010

Falta Amor no Mundo


Falar de amor é difícil, principalmente nos dias de hoje.

Muitos acham que é coisa de mulher, que o homem só tem que falar para sua companheira que a ama e pronto, está de bom tamanho. Por motivos como esse que eu acho que falta amor no mundo, na vida das pessoas e em tudo que fazemos.

Antigamente, na época de sei lá quando, num tempo onde eu não vivi, mas que é relembrado de várias maneiras, existia mais amor. E hoje até as mulheres estão amando com menos intensidade do que antes.

Se conseguiu ler até aqui, proponho um desafio. Defina pra você mesmo: o que é Amor?
Difícil?
Alguns simplesmente pensam de primeira "Ah, é um sentimento bom!".
Outras pessoas pensam "É aquela droga que machuca, que tira meu sono, que faz doer e acaba com minha vida."
Mas a maioria, eu acredito que não sabem o que pensar.

E pra mim essa é a resposta certa: Amor não se define, não se vê, apenas se sente, se vive, se acredita.
É uma experiência que muda, que transforma, assume aspectos diferentes em partes diferentes da vida. Falando em vida, o Amor tem vida própria, e eu duvido alguém que tenha conseguido controlá-lo como bem quisesse.

Pois bem...
É por esse motivo, do Amor controlar sua vida, sua cabeça e principalmente seu coração, que as pessoas estão fugindo dele.

Existe o preconceito de quem ama e fala sobre o Amor. Esse sentimento assusta as pessoas.
Quem ama sente medo, receio de seguir em frente, de se declarar e colocar os sentimentos à prova.
Quem descobre que é amado rejeita, foge, corre pro lado onde o amor não o persiga. Poucas pessoas são corajosas para enfrentar o Amor.

Tudo por causa do medo... de sofrer...
Os dois lados tem medo de sofrer, quebrar a cara, magoar um ao outro e perder uma amizade.

Vamos colocar o Amor em outros sentidos.:
Amizade - sempre tem aquele amigo ou amiga que você ama de verdade.
Família - as pessoas amam seus pais, irmãos, primos, sobrinhos, etc.
Trabalho - tem pessoas que amam o que fazem.
Religião - as pessoas amam a Deus, Jesus, Jah, Natureza, a si mesmo e assim por diante.

Se você consegue amar coisas como essas, coisas simples da vida, como sua melhor roupa ou seus animais, por qual motivo, causa ou circunstância não consegue aceitar ou viver, ou dar um Amor de verdade?

Não estou dizendo que é obrigação do ser humano namorar, casar e amar. O que quero dizer é que quando esse amor existir, não desperdice. Se você ama uma pessoa, conte para ela, arrisque-se, conquiste, demonstre, a única forma de manifestar o amor é com nossos atos.

Descobriu que alguém te ama de verdade? Parabéns! Olha que maravilha, uma chance real de ter uma vida feliz! Permita-se, corra riscos também, afinal, a outra pessoa está com os mesmos medos, aflições e dúvidas que você quanto a isso.

Se você gosta de alguém, de conversar com ela, se sente bem e feliz a seu lado e essa pessoa demonstra gostar de verdade de você, e cuida, e se preocupa... já é um grande passo no caminho desse Amor que faz a vida valer a pena!

Curta o prazer de viver, faça coisas que gosta, mas faça tudo com muito amor. A vida foi feita para ser feliz! E para isso, basta você querer!

Tá solteiro, na pegação, não quer se envolver com ninguém? Beleza, é justo, é válido, mas não dê as costas para o Amor de primeira quando ele aparecer. Pense e se dê chances!
Algum grande amigo ou uma melhor amiga se declarou? Foi uma decisão muito difícil da parte desse ser, que merece respeito e muitos pontos! Aí você pensa: “Mas e a amizade? E se não der certo, não vai ser como era antes, porque, afinal, aconteceu com fulano e bla bla.” Você não sabe como vai ser. A amizade é linda e nela existe o Amor. Por que não junta-los e tentar?